60 DIAS DE GOVERNO: Rollemberg ainda não apresentou resultados para a crise funcional do DF

Por: Kadu Marque

rodrigo-rollember (2)

Não é de hoje que o Distrito Federal espera por soluções reais para conter o desgaste que a cidade vem sofrendo, cortes de despesas já feitas pelo governador Rodrigo Rollemberg (PSB) pouco surtiu efeito nos cofres do GDF, pois a crise com os servidores públicos só vem piorando e anunciando paralisações e possíveis greves que causaram a desestabilização dos serviços e a precariedade nos atendimentos aos cidadãos do DF. Esta crise ainda não tem fim, pois em varias cidades os problemas são mais antigos e que só vem se alastrando por falta de atenção ou competência para resolvê-los, enquanto isso a cidade fica a mercê das futuras greves e desordens sociais e governamentais.

E não para por ai:

Em uma assembleia realizada nesta segunda (2) médicos, enfermeiros, técnicos e servidores da Secretaria de Saúde do Distrito Federal, aprovaram uma paralisação geral já marcada para a próxima sexta dia (11)   eles querem pressionar o governo a manter os reajustes salariais e de carreira definidos em 2013, O Ministério Público manifestou sendo contrario á esta decisão na semana passada.

Dando seguimento na crise no GDF, ainda nesta segunda os servidores terceirizados  recepcionistas e merendeiros que trabalham em hospitais públicos e na rede de ensino do Distrito Federal, decidiriam entrar em greve Segundo o Sindserviços, sindicato que representa as categorias, os terceirizados da saúde não receberam o salário, o vale-transporte e o tíquete-refeição. Os responsáveis pelas refeições nas escolas cobram férias e vale-transporte. 800 trabalhadores merendeiros que optaram pela greve são empregados da empresa G e E Eventos. Eles afirmam que só vão retornar ao serviço quando os pagamentos estiverem em dia. Os 655 recepcionistas são funcionários da GVP e afirmam que estão sem salário, vale-transporte e tíquete alimentação de janeiro. E estão de acordo em retornar somente quando a situação já estiver normalizadas.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s