Governador Agnelo Queiros (PT) quer réveillon para fazer média na posse da presidente Dilma

Sem título-1vvvvv

Á 6 dias para o fim do  mandato do governador Agnelo Queiroz (PT) o impasse continua e a população do Distrito Federal cada vez mais dividida com a realização da festa de réveillon na Esplanada dos Ministérios, que esta estimada em pouco mais de R$ 2,1 milhões, uma tentativa desesperada do governador Agnelo para agradar a presidente Dilma em sua posse.

Mais de 200 mil pessoas entre moradores e turistas visitam a Esplanada dos Ministérios para curtir as festividades de réveillon, e este ano, eles tem um motivo maior para visitarem o planalto central, dia 1º de Janeiro a presidente Dilma Rousseff tomará posse, para o governador Agnelo é uma boa chance de manter uma aproximação cordial com o palácio do planalto, por isso luta para encher a cidade de turistas nestes dias.

Com a falta de recursos financeiros nos cofres públicos do GDF, e sem perspectivas de recebimento de dividas existentes a receber pelo governo, o Ministério Publica do Distrito Federal (MPDFT) no último dia 19 acionou a Justiça, pedindo uma liminar de suspensão da festa, o questionamento do MP é, de onde vêm os recursos que serão aplicados no evento?

A juíza Mara Silda Nunes de Almeida, acatou o pedido liminar do MP do dia 19.  Na justificativa a juíza ressaltou o caos que se instalou na cidade, especialmente no tocante à saúde, educação, transporte público, limpeza urbana, pagamento de salários de servidores públicos e terceirizados, além dos problemas decorrentes das fortes chuvas nos últimos dias, não há motivos para gastos tão elevados com festas em detrimento dos serviços básicos de que necessita a população do Distrito federal.

Mas esta briga esta longe de acabar, no dia seguinte (20), a Desembargadora do Tribunal de Justiça, Carmelita Brasil, revogou a liminar autorizando o GDF a efetuar os três pregões eletrônicos e realizar a festa. Na ação cautelar Carmelita alegou que á “não realização da festividade terá resultado nocivo à população”, ou seja a população não sera prejudicada, mas o MP já entrou com um pedido de revisão da liminar, reforçando o pedido de suspensão do evento.

Para Agnelo tentar encher a capital de turistas é mais importante do que o caos que existe na cidade, no momento a preocupação maior é com a posse da presidente Dilma e em manter os turistas para prestigiar este grande evento.

Por: Kadu Marques

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s